Escolha seu idioma

A função dos sistemas de HVAC em incubatórios de estágio único

Desde a evolução da indústria do incubatório, da incubação de estágio múltiplo para a de estágio único, os sistemas de aquecimento, ventilação e climatização de ar (HVAC, em inglês) se tornaram parte indispensável das operações do incubatório. Em essência, o sistema de HVAC faz o trabalho pesado quando se trata de controle climático em incubatórios de estágio único e, assim, ajuda as incubadoras a obter um rendimento ideal. A importância do sistema de climatização se estende muito além do condicionamento do ar para nascedouros e incubadoras, pois controlar as condições do ar em todos os espaços, desde a recepção de ovos até a expedição de pintinhos, em um incubatório de estágio único, é essencial para alcançar os resultados ideais para o incubatório.

Por Pieterjan Bulteel, especialista em produto de climatização e automação

A incubação de estágio único depende da climatização

Embora a indústria de incubação comercial tenha aderido à metodologia de incubação em múltiplos estágios (e com êxito), era necessária uma nova abordagem tanto para atender à demanda mundial por mais carne de aves quanto para atender a níveis cada vez mais rigorosos de biossegurança e otimizar a eficiência do setor e o retorno do investimento.

Além de treinar novamente o pessoal na maneira de trabalhar no estágio único, também requer máquinas e equipamentos adaptados, incluindo um sistema de aquecimento, ventilação e climatização de ar adequadamente dimensionado. Um sistema de HVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado) eficaz e personalizado é indispensável paraoperações eficientes de estágio único, pois essa tecnologia faz o trabalho pesado quando se trata de aquecimento, refrigeração, umidificação e desumidificação do suprimento de ar fresco que alimenta as incubadoras. Isso facilita que as incubadoras ajustem o ambiente do embrião para obter os melhores resultados do incubatório.

Neste artigo, focamos nas quatro maneiras pelas quais um sistema eficaz de sistema de climatização afeta positivamente um incubatório de estágio único.

1. O suprimento de ar certo em todos os estágios

Indiscutivelmente, o maior benefício da incubação de estágio único é que as condições ambientais podem ser ajustadas às necessidades do embrião em todos os estágios de desenvolvimento, do ovo ao pintinho. Isso não apenas melhora a eclodibilidade e a uniformidade do pintinho, como resultado de uma janela de nascimento aprimorada, mas também facilita a garantia da biossegurança no incubatório.

Os sistemas de HVAC garante que os volumes corretos de ar, condicionados em termos de temperatura e umidade, sejam entregues sempre à sala de eclosão e incubadora. Isso permite que as incubadoras e nascedouros reais ajustem a temperatura e o fluxo do ar e forneçam condições ambientais ideais e uniformes dentro das máquinas.

2. Qualquer local, qualquer clima

As condições climáticas externas não apenas variam de região para região, mas também de estação para estação e até do dia para noite. É por isso que a Petersime projeta e cria sistemas de HVAC com base em dados climáticos geográficos históricos, que levam em consideração a temperatura mínima e máxima reais e as variações nos níveis de umidade durante um determinado período.

Exemplo: Um incubatório no Brasil

No Brasil, as temperaturas podem variar entre 17°C e 36°C, enquanto os níveis de umidade absoluta podem subir de 2,8 g/kg até 25 g/kg. Um sistema de HVAC bem projetado ajustará as condições do ar no incubatório, aquecendo o ar no inverno e resfriando-o no verão, enquanto ao mesmo tempo ajusta o nível de umidade exigido pelo processo de incubação.

3. Maior biossegurança: não há mais contaminação cruzada no ar

1. Sala de armazenagem dos ovos 2. Sala de secagem 3. Sala de incubadoras 4. Sala de transferência 5. Sala de nascedouros 6. Sala de Lavação 7. Sala de manipulação de pintinhos

Um sistema de HVAC bem projetado aumentará o nível de biossegurança do incubatório, pois um fluxo de ar controlado por pressão é capaz de criar pressões diferentes em salas diferentes.

A pressão mais alta deve ser mantida nas incubadoras e na sala de vacinas, onde a limpeza é fundamental, enquanto a pressão mais baixa é reservada para as áreas de lavação e que abrigam cestos sujos. Se alguma porta se abrir, o ar sempre fluirá das salas mais vitais e limpas para as salas sujas, e, especialmente, nunca ao contrário.

O sistema de HVAC também filtra o ar fresco recebido. De fato, a Petersime recomenda o uso de dois níveis de filtragem de ar: primeiro, um pré-filtro G4 para reter as partículas visíveis aos olhos (>10μm); e segundo, um filtro F7 principal que bloqueia poeira fina e partículas maiores que 1μm. Dessa forma, o incubatório apenas aspira ar limpo, enquanto o ar sujo fica contido nas salas designadas até ser exaurido do edifício.

4. Mantendo os custos de energia sob controle

Um incubatório bem climatizado não consome necessariamente mais energia. Desde que tenha sido projetado adequadamente, um sistema de HVAC personalizado pode até ajudar os incubatórios a consumir a menor quantidade de energia possível. De fato, o mesmo sistema de controle de pressão monitora a quantidade de ar necessária e fornece apenas esse volume específico de ar, para que nenhum ar condicionado seja desperdiçado.

Além disso, em climas frios, é possível recuperar o calor dos embriões em desenvolvimento, já que, a partir do dia nove, os embriões estão em sua "fase exotérmica" (começam a produzir mais calor). Um sistema de HVAC sustentável pode usar esse calor para pré-aquecer o ar fresco e frio que entra no incubatório, reduzindo drasticamente o consumo de energia da caldeira e do sistema de refrigeração; de fato, para este último, isso às vezes pode ser reduzido a zero.

Deixe a climatização do seu incubatório nas mãos da Petersime

Para garantir que você tenha uma configuração ideal para resultados ótimos e com os melhores resultados de qualidade, é melhor ter uma única empresa desenhando e projetando todo o incubatório, incluindo a climatização. O Departamento de Projetos da Petersime tem mais de 35 anos de experiência em projetos e instalações de sistemas de HVAC sob medida para incubatórios nos mais variados climas.

Nossos especialistas acreditam que não existe uma solução padrão e única para a climatização. Os incubatórios em climas quentes e úmidos, por exemplo, exigem um sistema de climatização de ar projetado para refrigeração e desumidificação, enquanto o aquecimento e umidificação são essenciais em ambientes frios. Portanto, estamos prontos para construir cada um de nossos sistemas de HVAC de acordo com as condições que prevalecem em sua área. Não hesite em entrar em contato conosco para obter mais informações.