Escolha seu idioma

Avaliação da qualidade de pintinhos e otimização da incubação (4)

Parte 4: Atividade e comportamento dos pintinhos Um gerente de incubatório bem experiente saberá instintivamente quando está olhando pintinhos ativos e saudáveis com bons níveis de reações e respostas a estímulos. Realizar observações é algo que pode ser aprendido com a prática ao longo do tempo. Nós descrevemos as principais diretrizes para realizar avaliações observacionais, considerando o comportamento e a atividade dos pintinhos.

Por Frank Verschuere, Departamento de Desenvolvimento de Incubatórios, Petersime NV

Na série de artigos sobre "Avaliação da qualidade de pintinhos e otimização da incubação", atividade e comportamento são, de longe, os parâmetros mais subjetivos e, portanto, mais difíceis de quantificar em um documento por escrito. Contudo, neste artigo, nós daremos algumas dicas concretas para ajudar a avaliar a qualidade dos pintinhos.

Observações iniciais durante o processo de eclosão

Uma boa prática é observar brevemente os pintinhos que já nasceram e em processo de eclosão dentro do nascedouro. Esta observação inicial deve ser realizada com uma quantidade mínima de luz. Durante este estágio, os pintinhos devem apresentar uma respiração tranquila. Qualquer sinal de pintinhos com dificuldade para respirar pode indicar que a temperatura está muito alta e/ou a ventilação é insuficiente dentro do nascedouro.

É importante observar a dispersão dos pintinhos nas bandejas. O cenário ótimo é quando os pintinhos estão distribuídos uniformemente. Se os pintinhos estão se juntando no lado de dentro ou de fora das bandejas, normalmente é uma indicação de condições incorretas, e de que o programa de temperatura e/ou ventilação pode precisar de ajustes.

Resposta a estímulos durante o processo de eclosão

Você deve observar a reação à luz dos pintinhos que já estão recuperados e dos pintinhos que ainda estão se recuperando do processo de eclosão. Idealmente, isto é feito com auxílio de uma lanterna. Ou, ainda, a luz do incubatório pode ser usada.

Quando estimular com luz um pintinho já recuperado no nascedouro, você deve observar uma resposta imediata e movimentação, indicando boa atenção e atividade. Um pintinho recém-nascido precisa de um período de recuperação antes de ficar ativo e alerta, já que os níveis de energia estão reduzidos. Na natureza, você também pode observar este comportamento. O pintinho de um dia ficará embaixo da ave mãe para se recuperar. Somente quando todos os pintinhos da ninhada tiverem se recuperado e a ave mãe estiver pronta, eles começarão a procurar por comida e água, tornando-se ativos.

Pintinho em recuperação

Pintinho ativo e alerta

Importância da janela de eclosão

A janela de eclosão é crucial para investigar a qualidade dos pintinhos. Quando há uma janela de eclosão larga, os pintinhos de eclosão mais tardia ainda podem estar se recuperando durante a retirada, o que influenciará de forma negativa sua qualidade. Uma janela de eclosão curta, portanto, garante que todos os pintinhos tenham acesso a comida e água no momento correto. Para garantir o bem-estar dos pintinhos, a janela de eclosão e o momento ótimo para acessar comida e água devem ser baseados em observações da natureza, recriando as condições conforme o ambiente natural. Isto leva a um desempenho ótimo pós-eclosão das aves.

Nos incubatórios comerciais modernos, é fundamental focar em uma janela de eclosão curta para assegurar a boa uniformidade e alcançar condições ótimas para todos os pintinhos no momento correto. Uma janela de eclosão curta não é atingida exclusivamente por boas condições de incubação, já que outras variáveis desempenham papéis também importantes. Bom gerenciamento da granja, boa qualidade dos ovos e boas práticas de gerenciamento do incubatório, tais como incubação equilibrada e manutenção regular, têm sua importância. Nossa equipe de especialistas em incubatórios está pronta para ajudar em todas as áreas, para otimizar o desempenho do seu incubatório.

Atividade e comportamento durante a retirada

Conforme os carrinhos com as bandejas são removidos do nascedouro durante o processamento final, há elementos fundamentais a se observar. Os pintinhos, em geral, devem estar espalhados uniformemente nas bandejas, assim como no caso do nascedouro. Devem estar ativos e alertas. Isto pode ser testado individualmente: quando o pintinho for colocado cuidadosamente deitado de costas, ele deve se virar em menos de três segundos. Outro bom sinal é os pintinhos reagirem rápido aos estímulos, se você fizer movimentos com seus dedos acima das bandejas.

Os pintinhos são ativos e responsivos ao movimento

Os pintinhos não ficam ativos quando estimulados

Transporte e armazenamento dos pintinhos

O transporte e o armazenamento dos pintinhos podem não parecer especificamente relevantes à "avaliação da qualidade de pintinhos e otimização da incubação". Contudo, é de extrema importância assegurar que todo o bom trabalho que é feito durante a incubação e retirada dos pintinhos não seja arruinado nos processos seguintes. É importante manter boas condições de transporte e armazenamento para garantir que eles estejam confortáveis, e assegurar uma boa qualidade dos pintinhos.

Resumo

Atividade e comportamento são aspectos importantes da qualidade dos pintinhos. A distribuição dentro das bandejas do nascedouro; a resposta a estímulos no nascedouro e durante a retirada; as condições de transporte e armazenamento dos pintinhos são elementos importantes para otimizar a qualidade. Também é fundamental focar em uma janela de eclosão curta para garantir boa uniformidade e bom desempenho pós-eclosão.